A inteligencia dos Pássaros
ANUNCIOS
Publicidade

Últimos assuntos
A ave está melhorOntem à(s) 15:43budgie10
Como identificar se minha aves está estressada?Sex 23 Fev - 9:50Mariana Machado
Pintasilgo pode comer Paiço?Sex 23 Fev - 8:59Eduardo Machado
Veja o que uma Calopsita não pode ComerSex 23 Fev - 8:46Eduardo Machado
Como saber sexo dos Periquitos australianos.Qui 22 Fev - 9:07Eduardo Machado
QUAL E A MELHOR EPOCA PRO TRINCA FERRO CANTARQua 21 Fev - 9:57Eduardo Machado
Guias para criação
face 4
Fechar Anuncio!
Curta nosso Facebook
Ir para baixo
Eduardo Machado
Eduardo Machado
ADMINISTRADOR
ADMINISTRADOR
Mensagens : 17264
Pontos : 21899
Reputação : 1522
Data de inscrição : 07/12/2010
Idade : 41
Localização : Espirito Santo do Pinhal - SP
https://www.criadoresdepassaros.com

A inteligencia dos Pássaros  Empty A inteligencia dos Pássaros

Qui 16 maio - 11:10
O corvo é considerado a ave mais inteligente, sendo capaz de usar ferramentas para resolver problemas, como a captura de alimento. Consegue dobrar gravetos e arames para pescar, usa folhas duras e caules como faca. Nos centros urbanos, joga sementes difíceis de quebrar, como nozes, entre os carros para que sejam esmagadas e consiga comer.


Vive em todos os lugares, exceto na América do Sul (onde fica o Brasil). É comum em desertos, planícies e zonas costeiras, preferencialmente em áreas com pouca vegetação. Come bichinhos como vermes, moluscos e insetos, além de cadáveres, sementes, frutas e restos de alimentos humanos. Para não ter de dividir a comida, enterra-a para que outro corvo não a encontre.


Essa ave mede cerca de 20 cm e pesa em torno de 1kg. O corpo é revestido de penas pretas. Tem pernas longas e pescoço grosso. As asas são grandes, e a cauda é curta. Desenvolveu hábitos sociais, reunindo-se em grupos durante a noite.
A inteligencia dos Pássaros  36816210




Antes da primavera, os machos se exibem para as fêmeas porque é hora de namorar. Após acasalar, constroem o ninho em árvores altas, rochas ou edifícios nas cidades, com galhos, pedacinhos de madeira, cascas de árvore, musgos e penas; ou recuperam aquele que foi usado no ano anterior.


A fêmea bota de três a sete ovos, e os choca durante cerca de 20 dias. Quando saem do ovo, os filhotes são alimentados pelos pais, ficando junto da família por até um ano antes de sair para se reproduzir. Pode viver por até 15 anos em seu habitat natural e mais de 20 em cativeiro.
Ir para o topo
Permissões neste sub-fórum
Não podes responder a tópicos