Codorna - Estresse nas granjas - Artigo
ANUNCIOS
Publicidade

Últimos assuntos
Como devo cuidar da minha ave no inverno?Hoje à(s) 8:52Mariana Machado
DICAS DE COMO ENSINAR TRUQUES PARA MINHA AVEOntem à(s) 11:09Eduardo Machado
Pintasilgo pode comer Paiço?Sex 10 maio - 22:03Eduardo Machado
Saiba Tudo Sobre a Criação de Sabiá LaranjeiraSex 10 maio - 20:00Eduardo Machado
Saiba Tudo Sobre a Criação de AzulãoSex 10 maio - 19:58Eduardo Machado
Como voce conheceu o forum ?Sex 10 maio - 19:57Eduardo Machado
QUAL E A MELHOR EPOCA PRO TRINCA FERRO CANTARSex 10 maio - 19:57Eduardo Machado
como melhorar o canto dos canarios belgaSex 10 maio - 10:24Eduardo Machado
Guias para criação
face 4
Fechar Anuncio!
Curta nosso Facebook
Ir para baixo
CÉLIA MARIA CAYRES
CÉLIA MARIA CAYRES
SUPERVISOR CHEFE
SUPERVISOR CHEFE
Mensagens : 5966
Pontos : 8925
Reputação : 565
Data de inscrição : 06/09/2013
Idade : 58
Localização : São Paulo

Codorna - Estresse nas granjas - Artigo Empty Codorna - Estresse nas granjas - Artigo

Seg 18 maio - 23:44
Boa noite amigos Criadores de Pássaros !

Vamos comentar sobre o comportamento das codornas ?

Estresse nas granjas

Engana-se quem pensa que estresse é exclusividade dos humanos. O mal dos tempos modernos já afeta até pequenas aves, como as codornas – que podem ser tratadas com passiflora.


Codorna - Estresse nas granjas - Artigo Image_preview

Foto: Flickr.com/su-lin - CC BY-NC-ND 2.0

Para aliviar o sofrimento de codornas em granjas, pesquisadores testaram o uso de diversos tipos de fitoterápicos, e tiveram a melhor resposta com passiflora.

O estresse atinge sobretudo populações de grandes cidades, mas não apenas: chegou também às granjas. Para cuidar de codornas, pesquisadores da Faculdade de Ciências Agrárias e Veterinárias da Universidade Estadual Paulista (Unesp), em Jaboticabal (SP), estudam como fitoterápicos comumente usados por humanos podem aliviar o sofrimento desses animais. 


O calor e as condições de vida nas granjas, onde várias codornas compartilham uma mesma gaiola, causam agitação e nervosismo nas aves. O comportamento inquieto faz o animal utilizar o bico para provocar ferimentos em si mesmo ou nas companheiras, principalmente na cabeça.

“Essa observação nos levou a buscar alguma coisa que pudesse amenizar tantos ferimentos e dor, assim como tamanha agressividade”, conta a zootecnista da Unesp Vera Maria Barbosa de Moraes.

O estresse ainda pode causar aumento da mortalidade entre codornas e queda na produção de ovos, reduzindo a lucratividade de criadores. Muitas vezes, os animais apresentam imobilidade tônica — quando ficam imóveis como se estivessem congelados — e podem até cair em depressão.

Diversas substâncias testadas na Criação de codornas

O calor e as condições de vida em granjas causam agitação e nervosismo nas aves, que podem provocar ferimentos em si mesmo ou nas companheiras.

Na primeira tentativa de ajudar as codornas a combater o estresse, os pesquisadores realizaram um estudo sobre a ação do triptofano nas aves. Esse aminoácido está relacionado ao aumento da serotonina, neurotransmissor que tem efeito direto na sensação de bem-estar. No entanto, constatou-se que ele não era eficaz na diminuição da agressividade dos animais.

Foi aí que os pesquisadores tiveram a ideia de estudar calmantes e ansiolíticos naturais que tivessem ação segura já comprovada em outras espécies, como ratos e humanos.

“Analisando trabalhos feitos com vários fitoterápicos, observamos que a passiflora, a camomila e a valeriana surtiam os efeitos que estávamos buscando para as aves”, explica a zootecnista.

As codornas estressadas foram submetidas a diferentes tratamentos baseados em cada um dos fitoterápicos. Durante o período em que receberam a medicação, elas foram filmadas para que os pesquisadores pudessem analisar posteriormente o comportamento das aves. 

A partir da avaliação das respostas comportamentais e fisiológicas — níveis de hormônio e células sanguíneas relacionados ao estresse —, a equipe concluiu que a passiflora foi o fitoterápico que apresentou ação mais eficaz, em comparação à camomila e à valeriana.

Além de reduzir a agressividade, proporcionando mais conforto e qualidade de vida aos animais, a passiflora não afetou a produção de ovos.

Agora que os pesquisadores já conhecem a ação isolada dos fitoterápicos sobre o organismo das codornas, as próximas etapas do estudo buscarão investigar o efeito conjunto dessas três plantas. “A literatura mostra que existe efeito sinérgico desses fitoterápicos sobre ratos e humanos, mas nada se sabe ainda sobre a resposta desses três no comportamento das codornas”, diz Vera Moraes.

Fonte : Vera Maria Barbosa de Moraes - Zootecnista da Unesp



Codorna - Estresse nas granjas - Artigo I2PER
CÉLIA MARIA CAYRES
CÉLIA MARIA CAYRES
SUPERVISOR CHEFE
SUPERVISOR CHEFE
Mensagens : 5966
Pontos : 8925
Reputação : 565
Data de inscrição : 06/09/2013
Idade : 58
Localização : São Paulo

Codorna - Estresse nas granjas - Artigo Empty Re: Codorna - Estresse nas granjas - Artigo

Seg 18 maio - 23:50
Boa noite amigos Criadores de Pássaros !

Amigos,

Coloquei esse tópico na área errada, alguém pode transferir para área correta? Por favor !:D  

CÉLIA
Eduardo Machado
Eduardo Machado
ADMINISTRADOR
ADMINISTRADOR
Mensagens : 17325
Pontos : 21964
Reputação : 1522
Data de inscrição : 07/12/2010
Idade : 42
Localização : Espirito Santo do Pinhal - SP
https://www.criadoresdepassaros.com

Codorna - Estresse nas granjas - Artigo Empty Re: Codorna - Estresse nas granjas - Artigo

Ter 19 maio - 11:28
Excelente artigo !!!
CÉLIA MARIA CAYRES
CÉLIA MARIA CAYRES
SUPERVISOR CHEFE
SUPERVISOR CHEFE
Mensagens : 5966
Pontos : 8925
Reputação : 565
Data de inscrição : 06/09/2013
Idade : 58
Localização : São Paulo

Codorna - Estresse nas granjas - Artigo Empty Re: Codorna - Estresse nas granjas - Artigo

Ter 19 maio - 11:44
Bom dia amigos Criadores de Pássaros !

Eduardo,

Obrigada por transferir o tópico para a área correta ! 

CÉLIA
Ir para o topo
Permissões neste sub-fórum
Não podes responder a tópicos