ANUNCIOS
Últimos assuntos
ANUNCIO
DOENÇAS E MEDICAMENTOS BEIJA FLORES GAIOLAS BUAVA
ESPECIES
OUTRAS ESPECIES

CLIQUE E CONFIRA CLIQUE E CONFIRA
SEXAGEM DE PÁSSAROS
CANAL YOUTUBE
INSCREVA-SE EM NOSSO CANAL
TopSites AvesPT

TRINCA FERRO COM FALTA DE AR

Página 1 de 2 1, 2  Seguinte

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Ir em baixo

TRINCA FERRO COM FALTA DE AR

Mensagem por Geraldo Franchoza em Seg 28 Mar - 19:03

Por gentileza, alguém poderia me ajudar. O TF do meu amigo esta o dia inteiro com o bico aberto e fungando com aparencia de gripado, o que poderia ser. Não é calor a temperatura onde ele fica é adequada, e vem apresentando esse sintoma já a duas semanas.
avatar
Geraldo Franchoza
Passarinheiro Avançado
Passarinheiro Avançado

Mensagens : 738
Pontos : 871
Reputação : 24
Data de inscrição : 12/03/2011
Idade : 57
Localização : Pirassununga

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: TRINCA FERRO COM FALTA DE AR

Mensagem por Eltonpellegrini em Seg 28 Mar - 19:26

ele ja levou ao veterinario especializado?


Quando incomodamos muito somos criticados ,o que seriamos de nós se as criticas não existissem ,por isso hoje somos os melhores e tenho orgulho de fazer parte dessa família !!
avatar
Eltonpellegrini
Pasarinheiro Expert
Pasarinheiro Expert

Mensagens : 1867
Pontos : 2046
Reputação : 107
Data de inscrição : 27/01/2011
Idade : 27
Localização : Barueri/SP

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: TRINCA FERRO COM FALTA DE AR

Mensagem por Anthony Thell em Seg 28 Mar - 20:12

Cara eu acho que é ácaro de traquéia.
Espero ter ajudado.
avatar
Anthony Thell
Pasarinheiro Expert
Pasarinheiro Expert

Mensagens : 2492
Pontos : 2670
Reputação : 80
Data de inscrição : 07/12/2010
Idade : 20
Localização : Macaé-RJ

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: TRINCA FERRO COM FALTA DE AR

Mensagem por edmilso em Seg 28 Mar - 21:26

oque vc passou pesquisei ve - se te ajuda em alguma coisa

PEVIDE (ou PIVITE):

Trata-se de uma doença que
prejudica de maneira especial os Trincas. A Pevide é uma inflamação na
língua do Trinca Ferro. Cria-se uma crosta na língua que impede o
pássaro de se alimentar direito. Com o tempo ele irá ter deficiências
alimentares e sua saúde estará comprometida (podendo levá-lo à morte).

Já de início é bom avisar: não
adianta simplesmente arrancar a crosta, pois a Pevide é somente um
sintoma de uma doença causada por um parasita que fica instalado no
aparelho respiratório do animal. A Pevide é a "ponta do iceberg".

Muitos criadores explicam que
"curaram" a Pevide de seus Trincas arrancando a ponta da língua dos
mesmos. Isso é uma ignorância sem tamanho, que deve ser abolida entre os
trinqueiros. Submeter o animal a esta mutilação é um desconhecimento
generalizado (e uma maneira de fazer a ave sofrer).

Recomenda-se levar o animal a
um veterinário especializado em aves silvestres, para que possa
diagnosticar, de fato, a Pevide. O especialista irá prescrever
polivitamínicos para que o pássaro seja suprido em suas necessidades
nutricionais (uma vez que o Trinca acometido de Pevide tem dificuldades
em se alimentar). Depois, o veterinário irá prescrever um tratamento
com vermífugo. Este tratamento (de vermifugação) irá acontecer de
maneira gradativa, pois há risco de vida para o Trinca se o verme morrer
dentro de seu aparelho respiratório.

Por último (depois de tratada a
origem do problema) o criador irá se preocupar em - finalmente -
arrancar a Pevide. A retirada da Pevide em hora errada pode acarretar em
sangramento e dor forte. Já a retirada no momento certo (por pessoa
experiente) será simples e indolor. Este procedimento (de retirada da
Pevide) pode ser feito por um criador que já tenha feito isso em
ocasiões anteriores. O momento bom para a retirada da crosta é quando a
língua do Trinca estiver com coloração amarelada. Esta é a hora de
realizar o procedimento.

Depois que a Pevide for
retirada, o criador deve permanecer oferecendo abundância de alimentos
macios ao seu pássaro. Também é importante que ele receba uma dieta rica
em proteínas (ex: larvas de tenébrio, grilos e farinhadas com ovo).


ROUQUIDÃO:

Outro problema que acomete os
Trinca Ferros é a rouquidão. Ela pode acontecer por algumas diferentes
razões e o tratamento para cada uma delas é bastante diferente.

Pode ser que o Trinca Ferro
esteja rouco por ter pego um resfriado. Gaiolas que ficam em lugares com
corrente de vento podem fazer com que a ave fique resfriada. Mudanças
bruscas de ambiente (tirar o Trinca de casa em um dia frio) também podem
causar o mesmo efeito. Este tipo de rouquidão pode ser tratada de
maneira mais simples, com produtos naturais e uma atenção especial para o
local onde a ave irá se recuperar. Recomenda-se encapar o Trinca,
mantê-lo em um lugar aquecido e oferecer chá de Romã na água de beber.

Mas o Trinca Ferro pode ficar
rouco por causa de parasitas. Estes vermes ficam instalados no aparelho
respiratório da ave, impedindo ela de respirar e cantar direito. Neste
caso, recomenda-se levar a ave a um veterinário, para que ele possa
diagnosticar, de fato, a origem da enfermidade. Caso queira correr o
risco de realizar um tratamento particular (sem supervisão médica) o
criador pode adquirir produtos como Tylotrat, Nalyt, Tylan, Allax ou
Ivomec. No caso, o passarinheiro terá de optar por um dos medicamentos
citados; deverá observar as informações de bula e seguir as orientações
da mesma.

OBESIDADE:

Trincas ficam gordos quando não
tem espaço suficiente para se exercitarem ou quando ingerem alimento em
excesso (ou alimentos gordurosos em grandes quantidades). Nestes casos,
recomeda-se oferecer uma gaiola maior ao Trinca Ferro (ou colocá-lo em
uma voadeira ou em um viveiro).

Muitos criadores mantém seus
Trincas em gaiolas com as mesmas medidas das gaiolas de torneios. Como
já destacado no canal "Gaiolas", este espaço não é suficiente para a
vida diária do animal. São boas para torneios porque seu tamanho
diminuto permite um contato visual constante com as aves adversárias;
mas são muito pequenas para servirem de moradia do pássaro.

O criador também deve ter uma
atenção especial para com a alimentação do Trinca Ferro. Recomenda-se
utilizar as Rações Extrusadas (por serem naturalmente equilibradas) e
oferecer farinhadas somente em um dia da semana (pois as mesmas
ingeridas em excesso podem deixar a ave gorda).



OUTRAS DICAS :

Há muitos outros sintomas que
indicam que uma ave está doente. Para isso, o criador deverá observar
suas aves constantemente. O melhor preventivo é o olho do dono! Veja
alguns sintomas que devem deixá-lo em sinal de alerta e procure por um
veterinário se observar algum deles em seus pássaros.

- Pássaro quieto, sem disposição, em um canto da gaiola ou no fundo da mesma.

- Pássaro que não come

- Pássaro que bebe muita água

- Pássaro que está muito magro

- Pássaro que passa o dia respirando com o bico aberto

- Pássaro que emite chiados enquanto respira

- Pássaro que sempre dorme apoiado nas duas pernas

Observando suas aves todos os dias você pode notar comportamentos estranhos e evitar que muitas das doenças de agravem.ar em uma gaiola maior tipo pra ele se execitar


Edmilso [Você precisa estar registrado e conectado para ver esta imagem.]
avatar
edmilso
Passarinheiro Junior
Passarinheiro Junior

Mensagens : 174
Pontos : 236
Reputação : 0
Data de inscrição : 04/01/2011
Idade : 45
Localização : São Vicente / SP

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: TRINCA FERRO COM FALTA DE AR

Mensagem por marcia maria em Seg 28 Mar - 22:15

Muito boa a sua pesquisa. Parabens! Edmilson.
avatar
marcia maria
Passarinheiro Intermediário
Passarinheiro Intermediário

Mensagens : 217
Pontos : 325
Reputação : 3
Data de inscrição : 10/12/2010
Localização : Atibaia- SP

Voltar ao Topo Ir em baixo

Página 1 de 2 1, 2  Seguinte

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Voltar ao Topo

- Tópicos similares

 
Permissão deste fórum:
Você não pode responder aos tópicos neste fórum